Preso confessa que matou estudante maranhense e chora pedindo perdão

Publicado por 8 de agosto de 2019 às 08:07

Policiais do 1º Distrito Policial de Teresina-PI prenderam, na manhã de quarta-feira (07), o mestre de obras Deivid Ferreira de Sousa, de 34 anos. Foragido há 16 dias, ele é suspeito de matar o estudante Gabriel Brenno Nogueira, 21 anos, no último dia 17 de julho, quando o jovem saía de uma pensão no Centro de Teresina.

Ao ser apresentado pela Polícia Civil, Deivid Ferreira chorou e disse estar arrependido de ter assassinado o maranhense. À imprensa, ele falou que queria pedir perdão “primeiramente a Deus” e revelou que não foi premeditado. A arma usada no crime ainda não foi apreendida. Segundo Deivid, o revólver foi jogado em um rio no Maranhão.

O delegado Sérgio Alencar, titular do 1º Distrito Policial em Teresina, disse que, em depoimento, Deivid confessou ter praticado o homicídio qualificado e, no momento da prisão, também chorou, demonstrou remorso e arrependimento. “Quando soube que estava sendo traído começou a planejar o crime contra o Gabriel. Houve um planejamento, ele rondou a pensão onde o Gabriel estava, tinha uma arma que ele disse que comprou em 2018 e após execução fugiu sozinho”, disse o delegado.

O diretor do Núcleo de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública do Piauí, delegado Carlos César Camelo, informou que o preso declarou que teria sido ameaçado pelo estudante. “Ele alegou que trocou conversas de ameaça com a vítima, que o teria ameaçado que ia resolver os problemas à bala. Mas isso ainda vai ser objeto de investigação; os telefones foram apreendidos”, disse Carlos César Camelo.

Após o crime, o suspeito foi para a casa do pai em Timon e, em seguida para Matões, também no Maranhão. Ele retornou para Teresina há cerca de uma semana e articulava uma nova fuga com ajuda de amigos e familiares, que tentavam vender uma casa por R$ 80 mil para conseguir dinheiro. Com informações do Cidade Verde.

Fonte:MA10

Fonte:

Tags:  
Link de Acesso a Matería
Preso confessa que matou estudante maranhense e chora pedindo perdão – O Itaqui Notícias Preso confessa que matou estudante maranhense e chora pedindo perdão | O Itaqui Notícias