Fluminense tenta esquecer ausência de Pedro para engrenar no Brasileirão

Publicado por 6 de setembro de 2018 às 09:36

Sentindo falta de Pedro, seu principal jogador e um dos artilheiros do Campeonato Brasileiro, o Fluminense tenta engrenar na competição. Um passo importante para isso é superar o Vitória nesta quinta-feira, às 19 horas, no Maracanã, em confronto da 23.ª rodada.

Há dois jogos sem vencer – derrota para o Cruzeiro por 2 a 1 e empate em 1 a 1 com o São Paulo na última rodada – o Fluminense terá de se virar sem Pedro novamente para voltar a triunfar. O centroavante, que foi cortado da seleção brasileira em razão de uma lesão no joelho, tem previsão de volta para daqui a 20 dias ao time que soma 27 pontos e está mais perto da zona de rebaixamento do que do grupo que garante vaga na próxima Copa Libertadores.

Sem Pedro, artilheiro do torneio nacional, com 10 gols, ao lado do santista Gabriel, o Fluminense encontrou dificuldades para balançar as redes, haja visto que os dois últimos gols da equipe foram marcados por jogadores dos próprios rivais. A criação também foi afetada, já que o centroavante participava ativamente da construção das jogadas.

O principal responsável pela armação das jogadas, aliás, também é desfalque. Sornoza foi convocado pela seleção equatoriana e desfalca o time nos próximos dois compromissos. O técnico Marcelo Oliveira, que definiu Kayke como centroavante titular enquanto Pedro estiver ausente, tem o meia Daniel e os atacantes Luciano, Marcos Junior e Júnior Dutra como opção para a vaga do equatoriano.

Titular e prestigiado por Marcelo Oliveira, o atacante Everaldo aparece como um dos candidatos a colocar fim no jejum de gols dos homens de frente. “Atacante vive de gols. Tenho me cobrado bastante, mas eu não me cobro só por não estar fazendo gols, me cobro porque a vitória também não está vindo”, disse.

Na esquerda, Léo tem boas chances de seguir no time pois o titular Gilberto, com dores no joelho esquerdo, não participou dos últimos treinos e pode ser desfalque novamente. Por outro lado, o capitão Gum volta ao time depois de cumprir suspensão pelo terceiro cartão amarelo.

Paulo César Carpegiani vai ser obrigado a mexer no Vitória. Após o triunfo importante sobre o América, por 1 a 0, no último fim de semana, o treinador perdeu dois titulares para pegar o Fluminense. Este jogo pode colocar o time entre os dez melhores do Campeonato Brasileiro ao final da 23.ª rodada, depois de uma longa briga para se distanciar da zona de rebaixamento.

A sequência de dois triunfos consecutivos – 1 a 0 sobre Atlético e América, ambos no Barradão – ajudou o Vitória a ganhar posições importantes na classificação. No momento está com 25 pontos. Os gols nestas vitórias foram marcados por Léo Ceará, que estava no Confiança, clube em que marcou nove gols pela Série C.

“Estas duas vitórias, além de nos tirar lá debaixo, nos deu mais confiança. E temos que jogar fora com a mesma disposição, naturalmente, tomando os cuidados necessários na marcação”, afirmou Carpegiani.

O volante Marcelo Meli e o meia-atacante Neílton, estão suspensos pelo terceiro cartão amarelo. Além disso, o lateral-esquerdo Fabiano, contratado recentemente do Bragantino, já foi apresentado, mas ainda precisa se recuperar de um desconforto muscular. Com isso, o zagueiro Bruno Bispo segue sendo improvisado na função.

Outra ausência certa é a do atacante Lucas Fernandes, que pertence ao Fluminense e não pode jogar por acordo entre os clubes. Com as baixas, o treinador optou por fazer mistério com os substitutos. Rhayner, poupado contra o América-MG, pode tomar a posição de Neílton no meio-campo, ao lado de Yago. Na frente, o novato Léo Ceará virou xodó da torcida e vai deixar o experiente André Lima no banco. O volante Fillipe Soutto, recuperado de lesão, volta a ser opção no banco.

FLUMINENSE X VITÓRIA

FLUMINENSE
Júlio César, Léo, Gum, Digão e Ayrton Lucas; Richard, Jadson, Dodi e Marcos Júnior (Luciano ou Júnior Dutra); Everaldo e Kayke
Técnico: Marcelo Oliveira


VITÓRIA
Ronaldo, Jeferson, Lucas Ribeiro, Ramon e Bruno Bispo; Rodrigo Andrade, Léo Gomes, Yago e Erick; Rhayner e Léo Ceará
Técnico: Paulo César Carpegiani

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 6 de setembro de 2018 (Quinta-feira)
Horário: 19h(de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Goncalves Lima (RS)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (Fifa-SP) e Leirson Peng Martins (RS)

 

Fonte:df.superesportes

Fonte:

Tags:  
Link de Acesso a Matería
Fluminense tenta esquecer ausência de Pedro para engrenar no Brasileirão – O Itaqui Notícias Fluminense tenta esquecer ausência de Pedro para engrenar no Brasileirão | O Itaqui Notícias