Estivadores do Porto do Itaqui conquistam assinatura de Convenção Coletiva de Trabalho

Publicado por 20 de agosto de 2018 às 15:36

Na manhã da última sexta-feira (17), representantes do Sindicato dos Estivadores (SETEMEMA) e do Sindicato dos Operadores Portuários do Maranhão (Sindomar), garantiram na justiça do trabalho a assinatura da Convenção Coletiva de Trabalho das categorias. Paralelo a assinatura, foram homologados cerca de duzentas acordos, pondo fim às ações trabalhistas pendentes. A juiza da 4° vara, Ângela Cristina Carvalho, responsável pelo Cejusc, conduziu os acordos, que foram validados individualmente.

Para o presidente do Sindomar, Jansem Pereira, “A convenção coletiva entre os estivadores e os operadores portuários, inaugurou um novo momento nas relações capital e trabalho no Porto do Itaqui, proporcionando um ambiente harmonioso e produtivo e que certamente produzirá geração e distribuição de renda para os estivadores, além de desenvolvimento para as empresas e para o estado”, pontuou. Segundo o sindicalista, os acordos trabalhistas são frutos de uma excelente relação construída nos últimos anos com a diretoria dos estivadores.

Já o presidente do sindicato dos estivadores, Joubert Mendes, o resultado do grande acordo, que teve adesão de 100% da categoria, é fruto da mudança de postura do sindicato que optou pelo diálogo e a composição, “Essa nova maneira de solucionar os impasses acabou proporcionando em uma valorização significativa da categoria”, afirmou.

“Hoje temos uma mão de obra valorizada, os trabalhadores querem produzir cada vez mais, temos nos operadores portuários verdadeiros parceiros na construção de um Porto do Itaqui mais produtivo e competitivo, além disso, conseguimos garantir o mercado de trabalho, o que possibilita ao estivador mais tranquilidade na execução de sua função, esse é o maior legado tanto dos acordos trabalhistas como da convenção coletiva”, finalizou Joubert.

A convenção coletiva de trabalho dos estivadores e dos operadores portuários, começa a valer a partir de 18 agosto de 2018, acarretando em um ganho real na ordem de 7 milhões de reais nos próximos dois anos, assegurando ao trabalhador um reajuste na ordem de 36% nas fainas de granel sólido, e 4.25% nas demais fainas.

Fonte:

Tags:  
Link de Acesso a Matería
Estivadores do Porto do Itaqui conquistam assinatura de Convenção Coletiva de Trabalho – O Itaqui Notícias Estivadores do Porto do Itaqui conquistam assinatura de Convenção Coletiva de Trabalho | O Itaqui Notícias