Ônibus têm escala reduzida em algumas regiões; Metrô-DF estende horário

Publicado por 25 de maio de 2018 às 09:39

Um plano de contingência para o transporte público está sendo definido desde quinta-feira (24/5) pelo Governo de Brasília. Segundo o GDF, as medidas devem ser avaliadas diariamente, de acordo com o estoque de combustível de cada empresa que opera o Sistema de Transporte Público Coletivo do Distrito Federal (STPC), que está em baixa por conta da greve dos caminhoneiros. Nesta sexta-feira (25/5), algumas empresas devem circular com horário reduzido.

Devem operar em escala de trabalho normal, as empresas Piracicabana, que atende as regiões de Planaltina, Sobradinho I e II, Brasília, Varjão, Lago Norte, Fercal, Cruzeiro, Sudoeste e Octogonal; a Marechal, responsável pelas linhas que atendem o Park Way, Núcleo Bandeirante, Guará e Samambaia; e a Viação São José, que circula em Brazlândia, Ceilândia, Taguatinga, Vicente Pires, SCIA e SIA.

Já a Pioneira devem operar normalmente no horário de pico, de 5h às 9h e das 16h às 20h, com redução da frota das 9h às 16h e a partir das 20h. A Pioneira atende às cidades de São Sebastião, Jardim Botânico, Paranoá, Lago Sul, Park Way, Santa Maria e Gama. A Urbi, que é responsável por linhas no Recanto das Emas, Riacho Fundo I e II e Samambaia, também funcionaria neste esquema, mas, segundo a Secretaria de Mobilidade, a empresa conseguiu abastecer os veículos e o sistema passa a funcionar normalmente hoje.

Ontem, rodoviários da Urbi chegaram a ser comunicados sobre a suspensão das meias viagens, que são aquelas em que os ônibus fazem apenas o trecho de ida e não retornam ao ponto de origem. A TCB não terá alteração em sua operação.

Incertezas com greve dos caminhoneiros

Reportagem do Correio mostrou ontem que as empresas de ônibus do Distrito Federal continuam sem saber se conseguirão atender a população nos próximos dias. As companhias ouvidas pela reportagem afirmam que não conseguem fazer previsões, pois não sabem se continuarão com dificuldade de receber diesel com o bloqueio nas estradas promovido por caminhoneiros, que já dura quatro dias.

Metrô estende horário

A Companhia do Metropolitano do Distrito Federal (Metrô-DF) informou que o horário de pico será ampliado em uma hora, pela manhã e pela noite. Na prática, se a medida for cumprida, o Metrô rodará com todos os 24 trens entre 6h e 9h45, e entre 16h45 e 20h45. Nos horários que não são considerados “pico”, entram em operação 15 dos 24 trens, segundo o Metrô-DF. Ontem, os passageiros enfrentaram filas extensas na volta para casa.

Apesar do esquema para garantir transporte público, a movimentação nos trens está abaixo do normal. Nas principais rodovias que cortam o Distrito Federal, há menos carros circulando também, tanto por conta do desabastecimento de combustíveis quanto pela suspensão das aulas na rede pública de ensino.

 

Por:Correio Braziliense

Fonte:

Tags:  
Link de Acesso a Matería
Ônibus têm escala reduzida em algumas regiões; Metrô-DF estende horário – O Itaqui Notícias Ônibus têm escala reduzida em algumas regiões; Metrô-DF estende horário | O Itaqui Notícias